Projeto 2013 – Eldar

Prometi novidades e aqui estão elas. Descobri recentemente que a poucos quilómetros de mim está a nascer uma comunidade de Warhammer 40.000. Há alguns jogadores antigos, mas no geral o grupo tá todo a começar agora. Como passei 2012 apenas em entretenimento digital, sinto fortes saudades de criar algo novo, por isso decidi arrumar os meus Necrons e iniciar um novo exército: Eldar.

Eldar 1 - Caixas

Sim, eu sei que o codex tem 6 anos, está desatualizado até à medula, mas pelo historial de lançamentos da Games Workshop, em princípio este ano sai um novo Codex: Eldar, e é com isso que estou a contar. Nestes primeiros meses vou criar a base do exército, e quando saírem novidades devem estar prontos a receber um upgrades bem necessários. Entretanto vou comprando, montado e pintando e podem ver todos os passos aqui no blog.

Nada como um novo projeto para começar 2013 com o pé direito.

Update: projeto caveira

image

No início deste blog, faz já 2 anos, eu postei uma imagem de uma caveira de plástico (aqui) que iria transformar em terreno. Encontrei-a outro dia e decidi retomar o trabalho, fazendo duas secções de muralha em floormate. Só falta pôr numa base e pintar, espero que seja nos próximos dias.

Aquisições para aquecer

Tenho de parar de prometer coisas no twitter, parece que não consigo cumprir. Ultimamente disse que ia por um battle report de Infinity, mas parece que não consigo encontrar as fotos. Por isso enquanto procuro, arranjei algo para me entreter e reacender a chama das minis.

Aquisições de Novembro/10

O bichinho de Impetus ainda cá anda, e para me pôr a completar o meu exército celta decidi comprar uma caixa de cavalaria. Vai dar à vontade para 3 unidades, mais do que eu preciso, francamente. Encontrei há pouco tempo uma companhia que está a fazer minis em plástico de períodos históricos, a Immortal Miniatures. Com sorte encontrei uma caixinha de Hoplites e assim começa o exército de, esperemos, Espartanos! Last but not the least, a mais recente actualização de Impetus, Extra Impetus 3. Poderei nunca fazer uso das regras que lá estão, mas ao menos sinto que estou a ajudar um grande jogo a descolar.

Tudo isto foi comprado na nova loja portuguesa de gaming, a Myrdinn’s Magic. Ora como aqui no exílio estou longe de tudo, e eles estão em Lisboa, mais precisamente em Belém, tive de tratar das coisas por mail e correu tudo às mil maravilhas. Ótimo serviço, entrega rápida, muito atenciosos e uma grande gama de coisas que não se encontram em mais lado nenhum. Sim, tou a fazer publicidade. Vão lá!

Admitindo a evidência

Ok pronto, eu admito. Sofro de preguicite aguda. Nos últimos 2 meses isto tem andado escasso em termos de minis e etc., mesmo tendo feito compras. Compras que pouco liguei ou ainda nem sequer experimentei. Ora vejamos o rol:

1x Necron Monolith – cortado e com primário, colei 2 peças mas estava complicado; não lhe voltei a tocar.
1x caixa de Washes da Games Workshop – como não tenho pintado, ainda nem abri os potes, tristeza.
1x Livro de regras de Warhammer 40.000 – folhei-o uma vez, coloquei-o na prateleira e ainda não saiu de lá.

Material em cima da mesa também não falta. 12 Necron Warriors primados e com o metal já pintado, aguardam pacientemente há mais de 3 meses por pintura final. Ao menos montei a caixa de Celtic Warriors (30 guerreiros barbudos e com pouco roupa e muita espada) mas estão desprovidos de qualquer pinga de tinta. Minis de Hordes também esperam que ponha mais qualquer coisa em cima. Enfim, muita preguiça!

Recentemente comprei algo novo para ver se o bicho volta a morder: Infinity. Para os que não conhecem fica aqui o link oficial, mas deixo um apanhado do jogo para quem não tem tempo. Jogo sci-fi de escaramuças feito aqui ao lado pelos nuestros hermanos, passado num futuro não muito longínquo, e com um forte traço manga. Considerado por muitos como uma verdadeira lufada de ar fresco no mundo dos jogos, usa dados de 20 lados, apenas 10 minis por jogador, é simples de regras mas estrategicamente complexo. Ah, e as minis têm grande qualidade e estilo, na minha opinião são do melhor que se faz no mundo. Por agora comprei o livro de regras e 2 starters, um de Yu Jing Japanese Sectorial Army e outro de Aleph. Dentro de 1 semana entro de férias e espero montar, pintar e basear as minis todas para poder fazer uns joguitos ainda em agosto. Se tiver tempo (não deveria dizer vontade? sim, é isso) acabo o exército de celtas e faço uns joguitos de Impetus.

Me despeço por agora, mas prometo que na próxima semana tiro umas fotos ao novo material para embelezar este cantinho. Até lá boas férias!

Regresso das férias da páscoa

De volta!
Findas as férias da Páscoa, recuperei as minhas tintas e materiais que emprestei ao meu irmão para ele se entreter nos longos dias sem nada que fazer. Durante estas 2 últimas semanas pouco ou nada fiz. O mais importante que fiz foi comprar cartão grosso de 3mm e cartão de maqueta para fazer terreno. Estou a pensar fazer umas estruturas modernas ou futuristas e usar modelos impressos para atingir resultados rapidamente. Vejam só este thread num dos meus fóruns favoritos para saberem o que quero dizer «Aqui». Lá para a frente há imagens da mesa terminada e ficou com muito bom aspecto, contrariamente ao previsto. Tenho ideia que os modelos de papel em mesas de jogo ficam com mau aspecto por serem demasiado lisos, mas acho que consigo dar a volta a isso com alguma imaginação.

Aqui ficam umas imagens de uma mini que pintei de uma assentada há 2 semanas atrás para o meu irmão.

Esquema de cores: primário branco, base em Bad Moon Yellow da GW, wash de verde da Vallejo abundantemente pela mini toda, principalmente pelo cabelo, highlights de novo com amarelo. Gostei bastante do resultado, nunca tinha usado washes tão extensivamente antes. O esqueleto na base foi Bleached Bone de base, wash de Castanho escuro da Vallejo, highlights de Skull White da GW. A terra foi como de costume. Pus uns pêlos de pincel velho como erva alta, não se vêm bem na imagem mas composeram bem a base.

É tudo por agora, lá para o fim de semana dou mais novidades.

Update 21/03

Não fico bem comigo mesmo se não ponho por aqui um post semanal, mesmo que esta semana tenha sido calminha, como vem sendo hábito nos últimos tempos.

Ora então ontem houve mais um jogo de Warhammer 40.000, com 950pts de Necrons + 350pts de Tau VS. 1300pts de Space Marines num cenário de Annihilation e deployment em Dawn of War. Foi um 2 contra 1, em que os Space Marines ganharam 3-1, com grande ajuda dos dados. Eu rolava incrivelmente baixo e tive turnos em que poucas casualidades infligi. Para ajudar, uma unidades de 5 Assault Marines eliminaram num turno uma unidade de 12 Fire Warriors após ganharem o combate, perseguirem e chacinarem na perseguição. Granda sorte. Jogo giro como já vem sendo hábito.

Em termos de modelismo, terminei finalmente os pormenores das últimas minis de Hordes, dei-lhes o primário, e comecei a pintar 12 Necron Warriors. A ver se é desta que o meu exército deixa de estar de primário.

Signing out, fiquem bem e até à próxima!

Update 07-03

Só para deixar aqui as imagens das coisas terminadas desta última semana.

Primeiro os dois módulos de rio terminados, mas sem água cénica. Tenho pouca (cerca de 250ml) e é cara!

Segundo, três “feijões” de terreno difícil feitos a partir de bases de madeira laminada, pedras  de floormate, erva de veludo autocolante. Fiquei bem contente com o resultado final, ficou bem limpinho e foram feitas bem rápido. Espero que durem bem e que o veludo não se descole facilmente…

Em último, 2 minis de Hordes para o meu irmão que estive a montar. Um Dire Troll Mauler e um Feralgeist. Estranhamente o Feralgeist deu-me bem mais trabalho a montar por ser tão difícil de juntar as duas metades. Comparativamente, o Dire Troll foi uma brisa a montar. De qualquer das maneiras, as minis de Hordes são muito giras mas são do mais complicado de montar. Super-cola não funciona, nem os encaixes permitem o seu uso, por isso tem de ser tudo a green stuff. E depois têm ângulos de junções complicados e poses que não ajudam a que o green stuff seque. Uma chatice, mas que vale a pena, o resultado final é muito bom!